quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Prisioneiro da razão, Liberdade em questão.

Era um garoto comum, caminhava da escola pra casa não pensava na vida, só sábia de jogar e mais nada. Mas certo dia a palavra conheci, me aprofundei em sua verdade e descobri que momentos bons nunca tivemos, só entendemos da dor e de sofrimentos.
Senhores do mundo controlam sua mente, se você não for esperto vai virar mais um demente. Pensam que é livre, mas não passam de uma gaiola, pensam que é seguro e tranca suas portas. Prisioneiro da razão, a liberdade em questão, o que fazer?  Vamos crescer, conhecer a verdade e então surpreender, não vamos esquecer, escravos da falsa liberdade conhecimento em humanidade sabendo que não é verdade tudo que é posto por um objetivo por pura vaidade, sentimento negativo, pretensão de superioridade.
devastam por uma meta, acabam com uma cidadela não liga pra quem está nela, somos apenas uma pedra que no caminho se quebra e o grito se aquieta.

Não temos razão, muito menos opção, o mundo pertence onde o dinheiro está presente.

2 comentários: